jump to navigation

Flor de Madeira – Larissa Lamas Pucci Quarta-feira, 26 Março :: 2008

Posted by E.P.L. in Cultura, Obras, Outros.
trackback

É já amanhã o lançamento do livro da nossa ex-colega de curso Larissa Lamas Pucci. Têm toda a informação depois do cartaz, podem consultar. Queria apenas convidá-los a estarem presentes, mesmo com este aviso tão em cima da hora… Apareçam!

“Aceita o convite do mundo

Que te chama em doce aurora

O desbunde a teus olhos de fundo

Poesia não tem hora”

 

 

Dia 27 de Março, às 21:30 | Espaço Cultural Ópera do Malandro | Rua dos Chãos, 14. | Braga

 

 

Larissa Lamas Pucci é mineira, de Belo Horizonte, estuda literatura, trabalha com ela e sente que a arte é uma das coisas que a fazem respirar. Perde-se em meio aos livros desde muito pequenina. Poeta, teve seu primeiro livro Flor de Madeira publicado aos 18 anos, e reúne ali escritos que coleciona desde os 12… Produção independente, teve repercussão em revistas e jornais brasileiros e foi adotado em escolas, estando já em 2a edição. Hoje, cinco anos depois da publicação e em vésperas do lançamento do livro em Portugal, Larissa guarda outro livro de poemas, duas obras direcionadas ao público infantil e um trabalho com poesia para imagens, esperando a oportunidade de os divulgar. Viajandeira, atravessou o oceano para estudar literatura e surpreendeu-se ao se descobrir tão genuínamente brasileira. Escreve como vive. Escreve a sua viagem. Acredita que o potencial criativo se estenda à vida e une assim duas das coisas de que mais gosta, incorporando na fala, na escrita e na bagagem pessoal, tudo o que lhe traz a diversidade cultural que veio recebê-la em além-mar.

 

 

“É, menina-poeta, talvez aí resida o segredo de seu trunfo. Seu verso, cada palavra vale por si mesma. Seu poema dispensa adereço e moldura. Como disse o poeta, “é um pássaro livre a voar”, na imaginação de quem o lê… E é tiro certeiro na sensibilidade e no coração das gentes…”

(Maria das Graças de Freitas Mucci, professora)

“De sua poesia nem posso dizer que começa por onde os outros acabam, que dos outros, são raros os que chegam lá. A julgar pela amostra, ouso dizer que você tem, desde já, um lugar assegurado entre os melhores poetas do Brasil.”

(Eduardo de Almeida Reis, jornalista)

Advertisements

Comentários»

1. Luc956 - Segunda-feira, 14 Abril :: 2008

Encontrei por acaso o seu blog. (Volta e meia venho ver o que se diz da Ilustre Casa de Ramires). Pode visitar a Casa em http://imaginarcriartentarfazer.blogspot.com, ou, enviando um email, marcar visita de facto, de preferência com o seu grupo de interesse.

2. Luiza - Quarta-feira, 23 Abril :: 2008

Livro da minha linda e querida irmãzinha!!
Te amo muita Lalá..
Um beijão cheio de saudades.. Lulu

3. serenarosa61824 - Sábado, 9 Abril :: 2016

pede po ba pahingi ng permission para copiyahin ang iyong gawain? tnx nakagawa na me ishshare ko nalang sa friends ko 2 txn sa info Click http://www.l33turl.com/moon09180


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: